Beleza,  Saúde e Bem estar

Drenagem linfática manual emagrece? Veja como fazer!

Saiba mais sobre a terapia corporal que é usada para reduzir inchaços no corpo!

Em busca de procedimentos que nos ajudem a manter o corpo em forma e dentro dos padrões desejados, chegamos a uma infinidade de opções, que vão desde técnicas e dietas até receitas e produtos naturais.

Uma dessas técnicas, muito popular entre as mulheres, é a famosa drenagem linfática manual. Mas será que essa terapia corporal de fato emagrece?

Drenagem linfática
Descubra o poder da drenagem linfática manual!

Confira como funciona a drenagem linfática manual, seus principais benefícios e como o procedimento é realizado!

O QUE É A DRENAGEM LINFÁTICA MANUAL?

A drenagem linfática manual é um procedimento considerado como uma terapia corporal que ajuda no funcionamento do sistema linfático e do sistema venoso. Isso significa que, na prática, ela não ajuda a emagrecer, mas sim a diminuir o volume do corpo, uma vez que seu objetivo é melhorar a retenção de líquido no nosso organismo.

A terapia é manual porque funciona como uma massagem corporal. A drenagem é feita com as mãos, com movimentos aplicados em locais específicos do corpo. O procedimento é altamente recomendado para quem tem mau funcionamento dos gânglios, responsáveis pelo sistema de retenção de líquido do nosso corpo. Quando ele não funciona bem, acumulamos líquido e toxinas. A drenagem ajuda-o a cumprir seu papel, eliminando essas impurezas.

Portanto, esse tratamento vai além da questão estética – ele preza, principalmente, por um corpo saudável. A boa notícia é que a drenagem linfática manual não exige o uso de nenhum aparelho ou produto. Ou seja: se você aprender as técnicas e aplicá-las corretamente, pode fazer sozinha, na sua própria casa. Veja, a seguir, como funciona a drenagem linfática manual.

COMO ELA FUNCIONA?

Os movimentos que guiam a drenagem são responsáveis por aplicar uma pressão controlada em determinados pontos do nosso corpo. Essa pressão ajuda na circulação de sangue, além de estimular a saída dos líquidos acumulado nos organismo que causam inchaço e, consequentemente, a aparência de que ganhamos peso. Além disso, a retenção de líquidos também é responsável pela aparição de celulite.

O sistema linfático é constituído por vasos e órgãos que possuem a função de drenar o excesso de líquidos do organismo. Quando algum desses vasos é obstruído, eles deixam de executar seu principal trabalho fazendo com que a linfa fique retida. Quando isso acontece, são criados edemas, ou inchaços.

Dessa forma, a drenagem linfática tem o objetivo de redirecionar esse líquidos, guiando-os para o rim, onde serão filtrados e, depois, expulsos do organismo pela urina.

Os movimentos da drenagem linfática são simples, mas precisam ser executados com atenção e dentro do padrão exigido para que se possa colher os benefícios do tratamento. Para melhores resultados, é recomendado que você procure um profissional especializado, mas se você quiser aprender as técnicas e experimentar a drenagem linfática manual na sua casa, confira o próximo tópico!

COMO POSSO FAZER A DRENAGEM LINFÁTICA?

A primeira coisa para a qual você deve se atentar ao praticar os movimentos da drenagem linfática manual é o seguinte: eles devem ser feitos em direção ao gânglios, glândulas presentes em várias partes do corpo humano. Assim, as manobras devem ser feitas em direção à virilha, à região supraclavicular, às axilas ou ao pescoço.

A pressão manual na realização dos movimentos é a segunda coisa ao qual você deve prestar muita atenção. A intenção não é realizar a massagem com força, mas de forma suave, um pouco mais intensa do que um simples toque.

Também é extremamente importante respeitar as direções pedidas para cada parte do corpo. Além disso, antes de começar o procedimento, é indicada a estimulação do sistema linfático. Ela pode ser feita através de movimentos circulares nas regiões em que você receberá a drenagem linfática manual.

A seguir, veja os principais movimentos que devem ser feitos com as mãos para executar a massagem:

  • Círculos: movimentos circulares, que devem ser realizados sem o polegar. Você deve pressionar levemente a pele.
  • Pressão: deve ser feita com a parte lateral da mão. Apoie a mão com o dedo mindinho no local da massagem. A seguir, faça o movimento de encostar as palmas da mão na pele, uma de cada vez. Repita o movimento várias vezes.
  • Deslizamento: deve ser feito com a palma da mão aberta. Você deve posicioná-la no local desejado e, a seguir, desliza-la em direção aos gânglios.
  • Mais pressão: aqui, você deve fazer movimentos circulares apenas com o polegar.

A drenagem linfática manual pode ser executada:

  • Na face: realização de movimentos circulares nas áreas do queixo e da boca. Também pode ser feita nas bochechas, levando os movimentos até o nariz. Aqui, devemos abrir caminho para linfa até os gânglios do pescoço.
  • Nos braços: faça o movimento de deslizamento pelo braço, encerrando-o na axila.
  • Nas mãos: use os movimentos circulares principalmente na base dos dedos.
  • Nos dedos: use os movimentos circulares em todo o comprimento dos dedos. A mesma coisa pode ser executada nos dedos dos pés.
  • Na barriga: use os movimentos de pressão com a lateral da mão. Eles devem ser realizado de cima para baixo, em direção à virilha.
  • Nas pernas: use o movimento de deslizamento, do calcanhar até a batata da perna; da batata da perna até acima do joelho; de cima do joelho até a virilha.
  • Nos pés: use movimentos circulares com as pontas dos dedos.
  • Nas costas: use movimentos de pressão com a lateral das mãos e movimentos circulares com os dedos, em direção às axilas.
  • No quadril: use movimentos de pressão com a lateral das mãos e movimentos circulares com os dedos, em direção à virilha.

CONHEÇA UM SUPER ALIADO DA DRENAGEM LINFÁTICA MANUAL: O KIFINA

De forma resumida, a drenagem linfática manual não é um procedimento que emagrece, mas sim um procedimento que viabiliza a melhora em problemas de retenção de líquidos pelo organismo. Essa retenção é o que acaba nos deixando inchadas; e um dos benefícios da drenagem é suavizar esse quadro, diminuindo o volume corporal.

Atuando diretamente nos gânglios, que fazem parte do sistema linfático e que são responsáveis por transportar líquidos dentro do nosso corpo, a massagem estimula a liberação dos edemas, provocados por veias entupidas, que impedem a passagem do líquido. A drenagem linfática deve ser feita conforme as recomendações de movimentos manuais, específicos para cada parte do corpo.

Vimos também que a drenagem linfática manual, para gerar maiores resultados, deve ser feita em conjunto com uma dieta balanceada e a prática de exercícios físicos.

Mas sabe uma outra coisa que também é um super aliado dessa terapia corporal? Kifina!

Enquanto a drenagem faz o papel de desinchar o corpo, Kifina atua no emagrecimento. 100% natural, é um produto composto a base de fibras, que atuam na neutralização de gorduras ingeridas e ativam a sensação de saciedade, ajudando a reduzir a quantidade de alimentos das suas refeições. Além disso, Kifina também é termogênico, estimulando o metabolismo na queima de calorias apenas com a ingestão do produto.

Conheça já a peça que faltava para o seu plano de emagrecimento ser um sucesso. Descubra os poderes do Kifina e combine-os com a drenagem linfática manual. Será um sucesso!

Abraços e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *